O excesso de medicamentos pode trazer efeitos colaterais indesejáveis para seu organismo. Por isso procurar medicações saudáveis é uma boa opção para aliviar dores e demais problemas de saúde.

Um remedinho para dor de cabeça, outro para dor muscular, mais um para azia… e por aí vai o descontrole e o excesso de medicamentos no nosso organismo, que muitas vezes são ingeridos sem uma prescrição médica, causando efeitos colaterais indesejados.

Em geral, todos os medicamentos podem causar efeitos colaterais indesejáveis. Os antibióticos, por exemplo, podem causar reações alérgicas em cerca de 5% da população. A erupção cutânea é uma delas. Outra complicação é a interação de outros medicamentos, incluindo os complementares, aqueles que a pessoa pode tomar conjuntamente. A longo prazo, muitos medicamentos podem causar danos permanentes aos órgãos essenciais e delicados no nosso organismo, como por exemplo, o fígado.

Muitos acreditam que os preparativos alternativos ou complementares, tais como remédios de ervas são mais seguros porque são derivados de fontes naturais, mas isso nem sempre é verdade. Algumas ervas podem atuar sobre o corpo de forma tão poderosa quanto qualquer medicina convencional e os efeitos colaterais indesejados podem ocorrer, também. Ou seja, qualquer tipo de medicação deve ser controlada, nada em excesso.

Se você é daqueles que costuma misturar os remédios, atenção: misturar medicamento pode aumentar o risco de efeitos colaterais porque os componentes ativos nas diversas preparações podem colidir e piorar o estado de saúde.

Além da mistura ser algo prejudicial, o consumo de álcool com alguns medicamentos também pode causar efeitos secundários indesejáveis e, por vezes, perigosos. Os efeitos incluem a sonolência com anti-histamínicos ou medicamentos antidepressivos. Isso deve ser um alerta importante para os motoristas, principalmente, que necessitam estar atentos ao volante o tempo todo.

Consequências do excesso de medicamentos

Os efeitos colaterais podem ser causados por todos os tipos de medicamentos. Em médio prazo, o nosso organismo acaba adquirindo certa resistência ao medicamento, assim ele deixa de fazer efeito quando ingerido e é preciso de algo mais forte para aliar a dor ou mal estar. Em longo prazo, os rins e o fígado podem ter sérios problemas para filtrar as substâncias ativas dos medicamentos.

O excesso de remédios também pode causar a famosa dor de cabeça que afeta 7 em cada 10 brasileiros. Nem sempre tomar dois remédios para aquela dor fortíssima vai te curar, o que vale é sempre investigar caso a dor persista. Ela pode ser sintoma de muitas doenças. Já a enxaqueca, por exemplo, não é sintoma, mas sim doença que precisa ser tratada. A dor é mais forte e dispara com alguns gatilhos. Sono, estresse, TPM, jejum prolongado, mudança de temperatura, estímulos externos são exemplos de gatilhos para enxaqueca.

Quem sofre com enxaqueca tem menor produção de endorfinas, que são analgésicos naturais. O cérebro processa de forma mais intensa as emoções, sentimentos, dor e estímulos externos, além de ser comum a pessoa sofrer com depressão ou ansiedade por causa dessa maior sensibilidade emocional.

Alternativas para o excesso de medicamentos

Dor e problema de saúde incomodam, por mais simples que seja, e queremos nos livrar o mais rápido possível deles, não é mesmo? Mas sabia que existem muitas soluções saudáveis além remédios farmacêuticos? Veja algumas dicas:

  • Gripe: chá quente de limão com mel
  • Cólicas: chá de camomila
  • Azia: chá de gengibre
  • Dor de cabeça: chá de sementes de limão
  • Dores musculares: chá de erva-doce, canela e sementes de mostarda

Estamos vivendo na era do imediatismo, que toda solução deve ser sempre, muito rápida. Mas muitas vezes, essa rapidez pode ter um preço caro para saúde. Evitar o uso de medicações deve ser levado em consideração, optar por uma solução mais saudável é muito importante e relevante para nosso organismo e bem-estar.

Procure um médico sempre que sentir algum incômodo e informe-o sobre todos os medicamentos que está a tomar ou que já tomou. Corra atrás de uma saúde melhor mudando seus hábitos e tente não sobrecarregar seu organismo com excesso de medicamentos que podem trazer problemas e não solucionar os sintomas.

Quer agendar um check-up? Com o Salus App ficou tudo mais fácil e acessível ao seu bolso. Baixe nosso aplicativo e confira nossas soluções.

Sem comentários.