“A saúde começa pela boca”. Essa é uma frase muito antiga, porém sempre atual.

E o bem-estar? Dificilmente é associado à saúde bucal. Muito se fala em exercícios físicos, tempo para o lazer com amigos e familiares, até mesmo os exames de rotina, mas os cuidados com os dentes ficam sempre de lado.

Provavelmente nem nas academias encontramos uma informação de extrema relevância para o seu público. “Vários estudos mostram que problemas dentais, como cárie, podem resultar em perda de rendimento de atletas e podem estar ligadas a lesões musculares recorrentes”, aponta o dentista Johnatan Marcondes, em entrevista ao portal Sorrisologia.

E muito além da estética, alguns tratamentos, como o clareamento, tem sido procurados com mais frequência. Isso porque atinge o bem-estar do indivíduo, já que quem possui problemas dentários encontra desafios em relações pessoais e profissionais, até mesmo precisa lidar com a autoestima fragilizada – ainda mais em uma era de selfies, lives, histories e outros modismos ou ferramentas necessárias.

Aliás, dentes tortos ou mal posicionados ainda podem provocar dificuldade para com a alimentação, influencia na fala e dicção, favorecem a respiração pela boca, implicando em falta de saliva, e por fim potencializam o surgimento de cáries. Logo, impacta na autoestima e abre espaço para a depressão, que é o grande mal do século 21.

Consequências desde o ventre materno

A odontopediatra e especialista em gestantes, Camila Almeida alerta para as complicações que a falta de higiene bucal oferece às gestantes.

“Estudos apontam que as gestantes com doença periodontal têm mais chance de ter filhos prematuros, com baixo peso e ainda podem vir a desenvolver quadros de pré-eclâmpsia”, afirma.

Ainda que durante a gestação o nível hormonal esteja nas alturas, não é esse o motivo para que apareçam as conhecidas gengivites, que são inflamações na gengiva que provocam sangramento, e as cáries. O que leva a esse quadro é a falta de uma boa escovação dos dentes e o uso do fio dental.

Após o parto é fundamental que os pais sejam exemplos para os filhos sobre como cuidar bem da higiene bucal. Mais do que um ato de responsabilidade, é uma verdadeira prova de amor que trará as mais positivas consequências ao longo de toda a vida dos herdeiros.

Outras doenças

Você sabia que várias doenças, como algumas relacionadas ao coração, Acidente Vascular Cerebral (AVC) e diabetes, estão diretamente ligadas à boca?

Até mesmo a impotência sexual está relacionada, de acordo com um estudo feito pela Universidade Inonu, na Turquia. A conclusão foi de que pessoas com gengivas inflamadas são três vezes mais propensas a ter problemas de ereção.

O Salus é seu aliado

Agendando uma consulta via Salus é possível ter um atendimento odontológico de qualidade pagando apenas pelo procedimento. São aproximadamente 70 procedimentos disponíveis.

A falta de condições para um tratamento decente que devolva o seu melhor sorriso e condições de saúde favoráveis já não é mais uma desculpa na região de Bauru.

Sem comentários.